quarta-feira, 22 de novembro de 2017

ENCONTRO VOCACIONAL INTERPROVINCIAL 2017 NA CAPELINHA

A Paróquia e Seminário Nossa Senhora Aparecida, carinhosamente conhecida como Capelinha, em Franca (SP), acolheu os participantes do Encontro Vocacional Interprovincial de 2017, realizado entre os dias 16 e 18 de novembro.  

Frei Gustavo Barbiero Mello e frei André Pereira de Arruda, responsáveis pelo evento e promotores vocacionais da província Santa Rita de Cassia, acompanharam os 16 vocacionados de diversos estados e cidades do Brasil. São eles: Ariel Silva, Túlio Zampirolli, Nicolas Athayde, Dennis Xavier, Nilson Ribeiro, Felipe Charra, Marcos Seraphin, Clauciano Ulve, Valmir Macedo, Victor Hugo, Felipe Massolari, Antônio Lisboa, André Ramos, Gabriel Vantil, Wenedy Ávila e Mateus Santos.

O objetivo do encontro vocacional interprovincial foi concluir o trabalho de discernimento iniciado no primeiro encontro vocacional realizado no mês de março deste ano, que, por sua vez, teve como objetivo central ajudar os jovens com alguma inquietação vocacional faze a caminhada respondendo ao chamado do Senhor da Messe para tomar a decisão definitiva no que se refere ao ingresso no seminário no ano de 2018. Outro objetivo, e este sempre presente nos encontros vocacionais, foi o de criar laços de confiança e amizade, além de promover a convivência dos vocacionados com os frades e seminaristas.

Os assuntos tratados especificamente nesse último encontro vocacional do ano versaram sobre o Carisma Agostiniano Recoleto, desdobrado e multiplicado nos temas: “O fundamento da comunidade”, “A comunidade e a caridade fraterna”, “A oração em santo Agostinho” e “A importância da comunidade para santo Agostinho”.  Foram tratadas “As exigências e as posturas para uma vida comunitária sadia” e o caráter missionário da Ordem, incluindo o testemunho do religioso frei Júlio, que já serviu em área de missão.

Na programação geral, momentos de formação através das palestras, meditação e partilha; momentos de deserto para interiorização; dinâmica e atividades lúdicas com os seminaristas; refeições comunitárias; o descanso e a recreação tão necessários; passeios; filme; trabalho; educação física; oração tendo como ponto forte a Liturgia das Horas (Laudes, Hora Média, Oração da tarde, Oração da noite); adoração ao Santíssimo Sacramento e celebração da Santa Missa. Tudo isso em atitude de oração na convivência com os religiosos e seminaristas, partilhando a interiorização e a própria vida. O ápice dos momentos de oração se deu com a eucaristia, diariamente celebrada.

Esse foi o último encontro vocacional do ano de 2017 e focado especificamente nos candidatos a ingressar no seminário em 2018. Dos participantes, um deles é candidato da Província Santo Tomás de Vilanova, o que foi muito positivo. Os outros 15 são candidatos a ingressar na Província Santa Rita de Cássia.  

Esse último encontro vocacional de 2017 foi muito positivo. A participação dos vocacionados em diversos momentos foi muito ativa e marcante pois demonstraram interesse na convivência comunitária e nas partilhas realizadas. Idealizado como mais que um encontro vocacional, os jovens pudessem fazer um retiro vocacional e uma convivência com os seminaristas que residem na Capelinha, seminário de ingresso na Província Santa Rita. Os objetivos foram alcançados com êxito pois os vocacionados puderam parar, silenciar e sentir o que Deus quer para a vida de cada um, condição necessária para tomar uma decisão mais consciente, livre e generosa.

Outro ponto muito positivo foi a participação dos vocacionados na rotina do seminário, tendo assim a oportunidade de experimentar como um seminarista vive no seu dia a dia. Os vocacionados puderam trabalhar juntos, rezar juntos, festejar juntos, fazer recreação juntos e acima de tudo saber – após essa experiência – se ali também é o seu lugar.

Momentos marcantes foram a visita ao Carmelo de Franca, os momentos de deserto realizados, o passeio comunitário realizado pelo centro de Franca, na Paróquia Nossa Senhora das Graças e no Mosteiro de Claraval. São oportunidades para vivenciar a grandeza da Igreja e como sua realidade convida a fazermos parte de uma grande família que ultrapassa muros e é sempre relacional.

Os vocacionados destacaram a acolhida de todos como algo muito positivo. Os promotores vocacionais agradecem o total apoio dos religiosos e seminaristas para que o encontro corresse de uma maneira muito tranquila e com todo o suporte necessário.


Frei Mason,
com a colaboração de frei Gustavo e frei André

Fonte: Site da Província Santa Rita de Cássia da Ordem dos Agostinianos Recoletos